Vale a pena criar um site em Portugal?

Hoje venho dar a minha opinião e visão se vale a pena criar um site em Portugal.

Antes de mais vou introduzir-me, sou engenheira de formação na área de TI isso permite-me dar-te uma opinião técnica.

Começando pela parte técnica, mostras uma capacidade de apresentação fora da caixa com um site teu, pessoal, por exemplo, com o teu currículo.

Ou seja, só por aí já vale a pena.

Caso não sejas da área ainda mais forte é teres um site. Já viste bem as capacidades que mostras ter só apresentado um site.

Vou dar-te o meu exemplo, comecei com o blogger, onde me era permitido editar HTML e CSS, após isso decidi migrar para o WordPress.

No WordPress, além do HTML e CSS pode aprender a configurar lojas, newsletters, usar o ruby compose, o cpanel, mexer nas configurações do servidor remoto, mexer na base de dados MySQL, adicionar certificado de seguranças e por aí fora.

Ou seja, o que parece uma coisa banal como se ter um site é de veras uma porta gigantesca das capacidades que podes de mostrar.

Deixando a parte mais técnica de parte e concentrando no ‘marketing’ digital, sem dúvida que é de valor.

E respondendo à pergunta se vale a pena criar um site em Portugal, sim, vale.

Vejamos, quando contratas um novo serviço, o que fazes primeiro? Pesquisas na Google, logo, vais encontrar o site desse serviço.

Quando me refiro a serviço, digo isto como, sendo um produto, um serviço, ou um influencer. Um influencer é um serviço que uma marca ou empresa contrata, é um trabalhador independente que vai prestar serviços. Criar conteúdo, avaliar produtos, etc.

Por fim, deixando a minha opinião, qualquer pessoa que goste, tenha curiosidade seja ela freelancer ou contratada a tempo indeterminado deve ter um sie.