6 Dicas práticas para aprender inglês

Hoje venho falar-vos sobre a minha experiência na aprendizagem do inglês. Como é que aprendi e deixar-vos 6 dicas práticas para que possam aprender inglês também!


Sempre tive dificuldade em inglês, era uma aluna mediana que teve de se esforçar muito para conseguir passar. Isto porque pensava que apenas era necessário decorar a gramática. Depois percebi que para falar teria de aplicar bastante a gramática, não somente decorá-la. Foi na necessidade de ter de usar o inglês com frequência, que notei as minhas lacunas.

Ver vídeos no Youtube em Inglês

Quando comecei a ganhar interesse por maquilhagem e a querer aprender mais sobre o tema, chegou o Youtube e, com ele, os vídeo tutoriais em inglês. Ao ouvir com mais frequência o inglês fui criando o hábito de ir ao Google tradutor para traduzir algumas das palavras que ouvia e não conhecia. Assim comecei a perceber melhor quando ouvia alguém a falar inglês, fosse nos vídeos ou na rua.


Contudo, não era capaz ainda de falar a língua nem de a escrever. Isto foi um problema na minha carreira profissional, porque era capaz de entender, mas não conseguia comunicar com as pessoas. Quando tentava comunicar, era sempre um momento em que morria de vergonha, sentia insegurança e claro, fui gozada. Com isto, mais vergonha ganhava e menos vontade tinha de falar.

Não queiram saber!


Assim, a primeira dica que vos dou é; NÃO QUEIRAM SABER! Podem gozar à vontade, mas vocês têm de falar! Há sempre alguém que irá notar o vosso esforço e que vos irá tentar ajudar.

Ver filmes e séries em inglês


Outra forma que muitos usam para aprender inglês, é através de séries e filmes. Nunca foi um processo que resultasse comigo, porque não era uma consumidora assídua destes conteúdos.

Fazer um curso de Inglês


Então, como queria aprender mais e melhor o inglês, inscrevi-me num curso intensivo, em que o professor só sabia falar inglês! Isto tornou a aprendizagem muito mais rápida, apesar da exigência. Mesmo assim, ainda não estava satisfeita com o meu nível de vocabulário e inscrevi-me noutra escola! Desta forma, consegui fazer o nível B1 e o B2 ao mesmo tempo em ano e meio.

Falar com outras pessoas em inglês no dia-a-dia


Segunda dica, comecem a usar as pequenas aprendizagens no dia-a-dia! Coisas simples como pedir um táxi, perguntar a alguém como está e até um simples bom dia, podem fazer toda a diferença! Usei esta técnica quando comecei a aprender holandês e todos os dias cumprimentava o motorista do autocarro com um bom dia!

Viver no estrangeiro


Quando me mudei para a Holanda, e como não falava a língua local, o inglês era de uso obrigatório para tudo no dia-a-dia. Aqui dei-me conta que, apesar de tudo, ainda havia coisas que não sabia. Tive de enriquecer o meu vocabulário e, conviver com gente de todo o mundo foi algo que me ajudou bastante.


Então deixo-vos com duas dicas finais!


A primeira é, sejam autodidactas! Ouçam e repitam as palavras, gravem-nas e escrevam-nas várias vezes e procurem o seu significado. Eu estou a usar este método para aprender o holandês e está-me a ajudar imenso!

A segunda é, falem a língua. É preciso falar e treinar a forma como se diz. Quanto mais falarem melhor vos vão sair as palavras, no tom e na pronúncia correta. Não tenham medo! Se erramos por vezes a falar português, o mesmo irá acontecer em inglês!


Agora que já sabem estas 6 dicas práticas para aprender inglês, digam-me você que métodos usaram para aprender inglês e quais os que gostariam que fossem mais abordados por aqui?