Comida que Brilha 0 comments on O porquê de não deixar de comer carne?

O porquê de não deixar de comer carne?

Vou-te explicar a minha opinião e experiência pessoal do porquê de não deixar de comer carne.

Deixar de comer carne de uma forma radical pode levar a uma carência de ferro e vitamina B12 que são nutrientes mais difíceis de se obter numa dieta vegetariana se não for bem planeada.

A minha experiência de retirar carnes, e o extremismo de retirar as carnes vermelhas da minha alimentação por quase 2 anos levou-me a uma carência de ferro e vitamina B12. O que se traduziu num início de anemia.

Este acontecimento fez-me reflectir muito bem na seguinte questão “O que é uma alimentação saudável?”. Desde então, tenho desenvolvido os meus conhecimentos nesta área. O que me levou a concluir que devemos comer um pouco de tudo o que é natural e de forma variada. [A DGS têm um óptimo manual de alimentos a comprar de forma a comer bem e se poupar].

Já por sua vez a Direcção Geral de Saúde (DGD) recomenda o consumo de peixe e carnes magras que forneçam a mesma quantidade de proteínas que as carnes vermelhas. E que a carne vermelha deverá ser consumida de forma esporádica. Ou seja, que não deve ser retira definitivamente como o o fiz.

Uma pequena porção de carne é suficiente para fornecer quantidades apreciáveis de magnésio, ferro, potássio, zinco e vitaminas do complexo B que não existem em produtos de origem vegetal e que são essenciais ao desenvolvimento humano.

O mais importante não é o fundamentalismo de deixar de comer carne. É sobretudo alterar o modelo de alimentação de forma a que se consuma 2 a 3 refeições por semana de carne ou peixe e incorporar mais vegetais e leguminosas.

Pedro Graça, o diretor do Programa Nacional para a Promoção da Alimentação Saudável da Direcção Geral da Saúde e diretor da Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto numa entrevista à SIC Notícias explica que, para uma cultura mediterrânea, continuamos a necessitar de pequenas porções de carne. Além disso salienta que a forma de proteger o planeta passa por alterar o modelo de alimentação e mudar a forma como produzimos a carne e o pescado.

Existem várias formas de protegermos o planeta quando falamos de alimentação como diminuir o consumo de congelados, bebidas de açúcar. Consumir os produtos da época, fazer refeições variadas de carne, peixe, ovos, vegetarias, etc.

Por fim, se recuarmos ao século XIX o povo em Portugal vivia uma pobreza profunda, trabalhavam de sol a sol, tinham escassez alimentar, não comiam carne devido à falta de dinheiro e as habitações eram locais muito pobres sem condições higiénicas, obscuras e com má ventilação. Estes são os factores chaves, mais destacados pelos médicos para a propagação da Tuberculose.

Mais recentemente, quando passamos pela crise financeira que atingiu sobretudo a região Norte do país, entre 2010 e 2014, observamos um ligeiro pico desta doença. Eu acredito mesmo, que a falta de dinheiro, fez com que muitos português deixassem de parte o consumo de carne e peixe por serem caros e sendo a má alimentação um factor favorável para a propagação da doença verificou-se este pico.

O porquê de não deixar de comer carne?
Gráfico com fonte na Administração Regional de Saúde do Norte

Por isso a minha opinião é que a população portuguesa continue a consumir carne, de uma forma moderada e equilibrada. Que não se retire os alimentos de forma extrema e que se coma de forma variada. Com isto quero dizer, um pouco de tudo: carne, peixe, ovos, leguminosas, vegetais, frutas, pão entre outros como se observa nas recomendações da direcção geral de saúde.

Comida que Brilha 0 comments on Lista de compras essenciais para uma alimentação saudável

Lista de compras essenciais para uma alimentação saudável

DESCOBRE QUAL É A MINHA LISTA DE COMPRAS ESSENCIAIS PARA UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL E PARA SE SER FELIZ E SUPER ENERGÉTICA.

Desde muito pequenina que adoro ver um prato colorido, sentir o sabor dos alimentos a transformarem-se. Logo que consegui descobrir como comer bem sinto-me das pessoas mais felizes e realizadas há face da terra.

Lista de compras essenciais para uma alimentação saudável
Continue Reading “Lista de compras essenciais para uma alimentação saudável”
Comida que Brilha 0 comments on Como eu crio um prato saudável sem os ingredientes da moda

Como eu crio um prato saudável sem os ingredientes da moda

SABER ESCOLHER. É SÓ DISSO QUE PRECISAM PARA CONSEGUIREM FAZER UM PRATO SAUDÁVEL.

Acreditem, que não precisam de gastar imenso dinheiro no supermercado, nem muito menos aderirem aos ingredientes da moda, como a quinoa, o tempeh, entre outros. Numa cozinha saudável, entendi que é preciso ter ingredientes do mais natural possível, ou seja, conseguir que os produtos venham directamente da terra para a minha cozinha e estou no ponto máximo de cozinhar um prato saudável. [Existem já várias opções para receber cabazes de produtos biologícos em casa. A que experimentei enquanto vivia em Portugal e que sinto confiança nos produtos para vos recomendar é a Quinta do Arneiro].

Prato saudável para almoço/jantar.
Continue Reading “Como eu crio um prato saudável sem os ingredientes da moda”
Comida que Brilha 0 comments on Dicas de como cozinho de forma saudável sem gastar muito tempo

Dicas de como cozinho de forma saudável sem gastar muito tempo

Perguntam-me muitas vezes como cozinho de forma saudável sem gastar muito tempo todos os dias. E como consigo na maioria dos dias levar o almoço para o trabalho e até mesmo os meus bolinhos ou bolachas saudáveis.

Digo-vos desde de já que esta mudança de hábitos e rotinas não foi de um dia para outro. Aliás, levou alguns anos.

Muitas das dicas fui testando e pensado por mim como poderia fazer para optimizar o meu tempo. Nestes últimos anos senti mesmo essa necessidade. Não achei este tipo conteúdo nos blogs FIT que sigo de como cozinhar de forma saudável em pouco tempo. Espero que as minhas dicas te possam ajudar.

Continue Reading “Dicas de como cozinho de forma saudável sem gastar muito tempo”

Comida que Brilha 0 comments on Pode a Consoada de Natal Tradicional trazer inovação?

Pode a Consoada de Natal Tradicional trazer inovação?

Pode a Consoada de Natal Tradicional trazer inovação? Quem o disse que não, está um pouquito enganado. Neste fim de semana descobri como se pode tornar a consoada tradicional inovadora. Utilizando a batata doce, abóbora e espargos.
Leram muito bem, é que ainda consegue ser trendy e saudável. O Lidl em conjunto com o chef Hernâni Ermida apresentou-me uma bela sugestão. Como resultado venho partilhar contigo, porquê o que gosto e que acho bom é para partilhar contigo. Quero deixar-te o bichinho para surpreenderes a família numa das noites mais belas do ano.

Continue Reading “Pode a Consoada de Natal Tradicional trazer inovação?”

Comida que Brilha 0 comments on Hoje é o dia Mundial da Osteoporose, a doença dos ossos

Hoje é o dia Mundial da Osteoporose, a doença dos ossos

O dia 20 de Outubro é o dia Mundial da Osteoporose, a doença dos ossos.

É uma doença que me preocupa muito porque a minha família materna sofreu desta doença, a minha mãe também têm sintomas e eu para já não sinto problemas. Mas com o desgaste que provoquei na perda de peso mais o exercício físico e a tendência familiar, estou sempre alerta e atenta a dar a alimentação aos meus ossos.


Continue Reading “Hoje é o dia Mundial da Osteoporose, a doença dos ossos”