Mulheres, ainda temos de provar o nosso valor?

by - quinta-feira, março 08, 2018

Hoje votamos e temos melhores condições de trabalho, mas ainda continuamos a ter de vos provar que somos tão boas, iguais aos homens? Ah e não penses que tens de provar apenas aos homens que és tão boa nas tuas funções como eles. Vais ter de provar às tuas colegas de trabalho o mesmo.

Igualdade, gritaram elas há mais de 40 anos atrás. 
Direito ao voto.
Direito a estudar.
Condições de trabalho iguais.
Salários iguais.

Hoje, já votamos, já estudamos aquilo que quisermos, hoje já ocupamos uma pequena % de lugares dominados por homens desde há 40 anos atrás.
Mas, será que as condições de trabalho são iguais? Será que os salários são iguais?
Claro que não! Estamos fartas de ter provas disso.

E ainda temos de provar o nosso valor?!.... E sabem porque num mundo menos desigual que há 40 anos atrás continuamos a ter de provar o nosso valor? Porque eles continuam a ter receio das capacidades e competências de mulheres que não são medíveis. De mulheres que não são previsíveis. De mulheres que não têm um limite. De mulheres que a cada dia que passa adquirem mais capacidades. De mulheres que não precisam de um homem para lhes explicar como se faz as coisas (vá às vezes fingimos mesmo não saber porque é giro ele nos explicar alguma coisa, mesmo que a saibamos como se faz). 


Mas só vos posso dizer uma coisa com a minha pequena experiência de vida, homens e mulheres que continuam a exigir provas acabam por perder A GRANDE MULHER que está à sua frente e acabam por nunca evoluir a sua mentalidade. E consequentemente, continuam a viver no seu precioso e preconceituoso mundo e de lá nunca saíram.

Igualdade!
Ah... E não me venham com os comentários parvos, como que devemos deixar crescer os pelos nas pernas ou o bigode para sermos iguais. Ou que devemos usar calças e vestirmos de camisa e camisola até ao pescoço como homens para sermos iguais. Ou que deva fazer xixi de pé para sermos iguais. Sabem bem que não é disso que se trata.


You May Also Like

0 comentários